Avançar para o conteúdo principal

Chocolate Cookies #24meses


Olá mamãs e papás!
Tenho muito para vos contar sobre o aniversário da Clarinha (nem acredito que já passou mais de um mês!!!!) e muitas receitas para partilhar! Breve,breve...

Sei que o tempo pede gelado mas umas bolachinhas de chocolate também caem muito bem!!

A ideia desta bolachinhas surgiu pela necessidade de evitar as de pacote, a Clarinha já pede de tudo um pouco quando vamos às compras e o "não" já começa a tornar-se cansativo (já sei... não a levo comigo, mas por vezes isso não é possível, não é mamãs?)

Mas cá vai a receitinha... aproveitem! São deliciosas!

Chocolate Cookies
(a partir dos 24 meses)

Para cerca de 24 bolachas
Ingredientes:
*200g farinha trigo
*100g farinha aveia
*1/2 c. café de bicarbonato de sódio
*100g óleo de amendoim
*100g de puré de tamaras
*50g açúcar mascavado
*1c. café sal grosso
*2c. café de extrato de baunilha
*2 ovos
*200g de chocolate >70% cacau

Para o puré de tamaras:
*100g de tamaras desencaroçadas
*água q.b.

Preparação:
Puré de tamaras
*Comece por deixar as tamaras coberta com água durante 4-6 horas,
*Depois escorra e reduze-as a puré com a ajuda de um robot de cozinha, picadora ou outro;
*Guarde num frasco fechado no frigorífico.

Bolachas:
*Pré-aqueça o forno a 180ºC;
*Comece por juntar num recipiente as farinhas juntamente com o bicarbonato e misture;
*Numa taça junte o óleo de amendoim, o puré de tâmaras e o açúcar mascavado;
*Use a batedeira para bater em velocidade média cerca de 2 minutos;
*Entretanto pique o chocolate em pedaços pequenos;
*Sem deixar de bater (importante fixar a batedeira), reduza a velocidade e acrescente o sal, o extracto de baunilha e os ovos;
*Junte as farinhas e, no final, com a batedeira já parada, o chocolate picado;
*Faça bolinhas do tamanho de uma bola de pingue pongue, coloque num tabuleiro de forno com papel vegetal; 
*Afaste as bolachas cerca de cinco centímetros entre si e achate-os um pouco com a sua palma da mão;
*Leve ao forno por 10 a 12 minutos. Retire e deixe-os repousar 2 minutos;
*Depois de frios, guarde num recipiente fechado, duram uma semana.

Dica: se não gostarem de chocolate podem usar passas, sementes, lascas de coco... use a imaginação!

Bom apetite e um grande beijinho da Cláudia e da Clarinha


Comentários

mensagens mais lidas

ao domingo não apetece cozinhar!

Olá mamãs e papás!
Nós antes de sermos mães já éramos gente e às vezes há momentos em que simplesmente não apetece!!!
Não nos podemos recriminar por isso, damos tudo de nós sempre e isso é o mais importante. Se não apetece fazer um prato super elaborado para domingo à noite, nada como fazer uma refeição ligeira mas muito nutritiva!
Comece por sopa, rica em vitaminas e minerais, devido à sua quantidade em legumes de cores variadas e com os tradicionais hidratos de carbono da batata ou da batata doce, por exemplo.
Depois falta-nos a proteína, como não podia deixar de ser, vamos buscar a melhor. O ovo é o alimento composto pela proteína de mais alto valor biológico, nada como coze-lo ou confecciona-lo de outra forma mas sempre sem adição de gordura.
Ainda nos falta uma gordura saudável! Nada como uma colher de chá de azeite na sopa para enriquecer nutricionalmente a refeição.
No final, uma sobremesa também nutritiva e colorida como a fruta, idealmente devemos usar a fruta da época, por ser …

O Crescimento e o Percentil

Olá mamãs e papás!
Nós papás já ouvimos falar variadíssimas vezes sobre o Percentil (P) do nosso filho, mas será que entendemos o seu significado? No boletim de saúde infantil e juvenil encontrámos uns gráficos de cor azul ou rosa dependendo do género do nosso bebé, estes chamam-se curvas de crescimento infantil e são um indicador importante para acompanhar a evolução do peso e do comprimento do nosso bebé.
Durante os primeiros 12 meses de vida o bebé, em média, triplica o seu peso e o seu comprimento aumenta para o dobro, relativamente ao seu nascimento.
Desde 2013 que Portugal adoptou as recentes curvas de crescimento da Organização Mundial de Saúde (OMS), mais próximas da realidade da nossa população.
No boletim de saúde infantil e juvenil, na página 8, temos o gráfico abaixo. No eixo/linha horizontal temos a idade em meses e anos e no eixo/linha vertical temos o peso em quilogramas. As linhas curvas indicam o P, no final de cada uma há um número que o enumera, de baixo para cima,…

estou a provar novos alimentos! #o meu primeiro iogurte

Olá papás! Este post é para os bebés mais pequeninos que estão a provar novos alimentos ou vão começar em breve!
O ano passado falei-vos do iogurte de eleição para a Clarinha, aqui, hoje venho marcar mais uma vez essa opinião, se quiserem introduzir o iogurte mais cedo do que os 9 meses, o iogurte ideal é este:

Agora com nova cara, mas o mesmo equilíbrio nutricional, "o teu primeiro pingo doce" é um iogurte que pode ser introduzido a partir dos 6 meses porque a sua base é leite de transição (leite adaptado às necessidade do bebé) e não tem açúcares adicionados, ponto muito importante para os bebés!
Experimentem!
Beijinhos da Cláudia e da Clarinha