23 de fevereiro de 2015

isso não se diz!

quantas vez já ouviram algo do género: - que magrinho! ou - a tua bebé podia ser mais gordinha!... "gordura é formusura"... será? 

e quantas vezes na refeição já dissemos ou ouvimos: - "come a carne e deixa o resto"...?

estas são duas máximas ainda muito enraizadas na mentalidade dos portugueses... mas, como já devem ter lido nas entrelinhas, ambas não têm fundamento...


... se o nosso bebé cresce consistentemente e se mantem no mesmo percentil, quer dizer que está a evoluir bem, mesmo que esteja num percentil mais baixo...

antigamente, quando os bebés nasciam em casa era normal associar o peso à saúde porque poderia ser uma indicador de que iria vingar. Atualmente, só porque o nosso bebé não tem bochechas salientes ou as preguinhas nas pernas, não é saudável...NÃO... aliás, até terá mais saúde!

bebés gordinhos têm maior probabilidade de serem crianças e adultos com excesso de peso ou mesmo obesidade... uma doença crónica que tem uma prevalência avassaladora na nossa população e consequências graves... mas isso deixo para outro post.


- "come a carne e deixa o resto"...?
um dos erros na alimentação dos mais pequenos é o consumo excessivo de proteínas... admirados? acham que devemos colocar a carne em primeiro lugar...?
a proteína está presente no leite e derivados, na carne, peixe e ovo, e também nas leguminosas e na soja... e por norma, o nosso pequenote come alimentos ricos em proteínas em todas as refeições, por isso é muito fácil ultrapassar as necessidades deste nutriente.

porque não dizer: - "come os vegetais e deixa o resto" ou - "come um bocadinho de tudo e deixa o resto"... isto já se diz!

beijinhos da Cláudia e da Clarinha


18 de fevereiro de 2015

duas mãos cheias...

duas mãos cheias de amor... dez meses passaram rápido demais... a Clarinha já gatinha e até já quer dar os primeiros passos...



é delicioso vê-la a segurar-se sem ajuda e a tentar dizer as primeiras "palavras"... mas às vezes sinto saudades daquele bebezinho que ficava no meu colo só a sentir o meu coração! agora ainda quer miminho, mas sempre com muita brincadeira... e a música... adora!!! quando canto para ela... adora a sua música para adormecer e dança logo ao som das músicas mais mexidas... definitivamente sou uma mãe super babada... e orgulhosa de cada pequena conquista :)


beijinhos da Cláudia e da Clarinha

p.s. aproveitem os vossos pequeninos!

17 de fevereiro de 2015

a Clarinha tem 10 meses... o que muda?

Olá mamãs e papás!
a Clarinha amanhã faz 10 meses e os últimos dias têm sido cheios de experiências...

... chega o momento de começar a integrar a nossa pequenota na alimentação da família e um dos primeiros passos foi apresentar a "salada", ou melhor um legume cru... o pepino foi a nossa primeira opção, devido à sua textura. 




estávamos em casa dos avós quando experimentamos e a reação foi hilariante... tocou, observou cada canto da fina rodela e por fim levou à boca, fez logo cara feia e rejeitou de imediato... mas não desistimos daqui a uns dias voltamos a experimentar! 

e mais à frente será a vez do tomate...

beijinhos da Cláudia e da Clarinha

13 de fevereiro de 2015

estou a provar novos alimentos! #o iogurte dos papás!

até aos 9 meses os nossos bebés devem comer iogurtes feitos a partir de leite de transição, apropriados aos bebés, a partir dessa idade já podem comer o "iogurte dos papás"... mas atenção!

... mais uma vez a escolha do iogurte é muito importante, devemos escolher um iogurte natural meio gordo, sem adição de açúcar, aromas ou pedaços... pode ser marca branca ou de outras marcas, deixo-vos alguns exemplos:

também não deve ser um iogurte grego nem um magro, pois o seu teor em gordura não é apropriado para os nossos pequeninos, além disso o magro tem grande adição de adoçantes e outros aditivos.

- mamã! quando posso comer iogurte?

podemos oferecer iogurte aos nossos pequeninos tanto na merenda da manhã como no lanche da tarde... mas Não como sobremesa porque o seu cálcio e o ferro da carne ou peixe "não gostam muito um do outro" e juntos não são absorvidos totalmente não aproveitando tudo o que a carne, o peixe e o iogurte têm de bom.

- e como posso comer o iogurte?

o iogurte pode ser simples e podemos dar dois em cada lanche, mas também podemos juntar um iogurte com uma peça de fruta e ter um lanche diferente todos os dias...

vamos lá lanchar um iogurte!

beijinhos da Cláudia e da Clarinha

4 de fevereiro de 2015

- mamã eu preciso de beber água?


Sabias que a água é considerada um alimento? Além de ser um alimento, tem lugar de destaque no centro da Roda dos Alimentos, imprescindível à vida, é o principal constituinte do corpo humano, funciona como regulador térmico e faz parte de todas as nossas funções vitais.
  • enquanto fores amamentada em exclusivo, o leite materno é suficiente para as tuas necessidades de água... podes precisar de água em dias em que estejas doente (vómitos, diarreia ou febre elevada) ou no verão, em dias com muito calor.
  • se já beberes leite artificial ou comeres outros alimentos deves beber água diariamente... eu e o papá devemos oferecer-te um bocadinho de água varias vezes por dia, outras bebidas como chá ou sumos estão contra-indicados por seres pequenino...
- mamã... posso beber qualquer água?

podes beber água de poço ou furo se for potável, mas tenho de a ferver antes para matar o "bichinhos" que lá vivem. 
no caso da água da torneira (fornecimento público), também a podes beber e como é uma água bem controlada a mamã não precisa de a ferver, mas por precaução nos primeiros dois meses eu vou fervê-la para ficar mais tranquila.
já a água engarrafada não precisa de ser fervida pode ser colocada diretamente no teu biberão ou copo, mas antes escolho uma água adequada à tua idade... 

...durante os primeiros meses de vida, devido aos teus delicados rins é muito importante ter em conta a concentração de minerais da água para evitar esforçá-los... o sódio e o cálcio são os minerais mais importantes porque os teus rins não filtram bem o excesso destes minerais.


entre muitas marcas disponíveis no mercado podes beber, por exemplo:


se estranhares a água... a mamã vai aquecer um pouco, porque os bebés bebem melhor a água morna do que à temperatura ambiente.

beijinhos da Cláudia e da Clarinha